Busca

 
 
Os estudantes da UCP, dos dois campi da Universidade – Dom Veloso e Dom Cintra –, tiveram a oportunidade de assistir a palestras na última semana sobre as transformações do mercado de trabalho e a necessidade de atualização para acompanhar essas mudanças. Os encontros contaram com a participação de Jeizon Ramos, que é administrador e consultor de tecnologias SAP.

“O foco principal das palestras, de maneira geral, é identificar na verdade que nenhuma profissão deixará de existir. A ideia não é essa. Todas as graduações estão passando por processos de modernização”, comenta Jeizon, que falou sobre Inteligência Artificial, Indústria 4.0 -  4ª Revolução Industrial, Internet das Coisas, BigData, Carreiras e oportunidades.

A intenção dos eventos, segundo o diretor do Centro de Engenharias e Computação da UCP, Fábio Licht, é fazer com que os alunos vejam o mercado de trabalho e as mudanças que estão acontecendo.

“A ideia das palestras é abrir a mente, pois muitas pessoas estão ficando apavoradas com a ideia de que vão perder o emprego. Na verdade, muita gente vai perder a atividade que exerce. Algumas das atividades vão sendo encerradas, porque não vai ter mais demanda para aquele tipo de trabalho. Mas em compensação vão surgindo outras demandas dentro das áreas. Não é que o profissional vai ficar desempregado. Ele vai precisar se atualizar, entender e aprender coisas novas em cima do mercado que ele conhece. E ali novas áreas e novos cargos vão surgir”, explica Licht.