Busca

            
 
 
O dimensionamento de peças de concreto protendido visa aumentar a esbelteza desses elementos, controlar sua fissuração, além de controlar o seu comportamento ao longo do tempo de vida útil da estrutura. O objetivo do curso é complementar o currículo do curso de Engenharia Civil com disciplina na área de estruturas, com abordagem voltada para o dimensionamento de estruturas diversas, principalmente pontes.


Ministrante:

Emil de Souza Sánchez Filho: Graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1976). Curso de Especialização em Concreto Protendido (1976). Mestrado em Engenharia Civil pela COPPE-Universidade Federal do Rio de Janeiro (1988). Doutorado em Engenharia Civil pela COPPE-Universidade Federal do Rio de Janeiro (1992). Pós-doutorado e pesquisador sem vínculo da PUC-Rio. Pesquisador visitante da Technische Universität Braunschweig/Alemanha. Ex-professor Adjunto da Universidade Federal de Juiz de Fora. Professor Titular do Programa da Universidade Federal Fluminense onde leciona disciplinas e orienta acadêmicos (mestrado e doutorado) no Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil. Professor Convidado da PUC-Rio onde leciona disciplinas e orienta acadêmicos nos programas de pós-graduação (mestrados e doutorado). Professor da Universidade Católica de Petrópolis. Membro do: ACI ‒ American Concrete Institute (U. S. A). PCI ‒ Precast, Prestressed Concrete Institute (U. S. A). FIB ‒ Federatión Internationale du Beton (Suíça). IABSE ‒ International Association of Bridges and Structures (Suíça). IBRACON ‒ Instituto Brasileiro do Concreto. ABCM ‒ Associação Brasileira de Ciência Mecânica e Engenharia. ABPE ‒ Associação Brasileira de Pontes e Estruturas. Editor da revista Engenharia Estudo e Pesquisa, órgão oficial da ABPE. Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Estruturas de Concreto, Fundações, Recuperação e Reforço de Estrutural, Alvenaria Estrutural, Engenharia Legal. Atua como consultor e calculista. Publicou mais de 260 trabalhos (artigos em congressos, periódicos e teses), nove capítulos de livros, é editor de três livros e autor de quatro: Elementos de Mecânica dos Sólidos; Tensores; Cálculo Tensorial. Tensor Calculus for Enginners and Physicists (Springer, Alemanha).

 

Público-alvo:

Destinado a Engenheiros, Arquitetos e alunos de cursos de graduação e pós-graduação em Engenharia Mecânica, Civil e Arquitetura e Urbanismo, bem como profissionais atuantes na área de estruturas de concreto.

Pré-requisito:

Concreto armado I (cursado ou em andamento).

 

Conteúdo programático:

Conceito de concreto protendido.

Concreto: 

  • Estudo avançado da fluência e retração.
  • Aço do protensão.
  • Dados referentes à protensão.
  • Modos de protensão: pré e pós tensão; perdas de protensão; efeito da protensão no cálculo.
 

Vigas:

  • Estado Limite Último
  • Momento resistente de cálculo
  • Estado Limite de Serviço: fissuração e deformação
  • Exemplos completos de vigas bi-apoiadas com pré e pós tensão
  • Exemplos completos de viga contínua com pós tensão
  • Vigas de pontes
 

Lajes:

  • Cálculo de lajes planas: método aproximado; puncionamento; laje plana com protensão não aderente.
Rua Benjamin Constant, 213 
Centro - Petrópolis/RJ
24 2244-4000