www.ucp.br

Programa de Iniciação Científica

O que é a Iniciação Científica?
A Iniciação Científica é uma experiência de pesquisa acadêmica desenvolvida por alunos de graduação da Universidade, em diversas áreas do conhecimento. Em geral, para os estudantes que se dedicam trata-se do primeiro contato com a prática de pesquisa. Os alunos têm o desenvolvimento de seus estudos acompanhados por um professor orientador, ligado a um grupo de pesquisas da faculdade na qual o aluno estuda.

Na UCP, as bolsas do Programa provêm de 2 fontes de apoio, o CNPq e o Fundo Celso da Rocha Miranda (Fundação Dom Cintra).

Como proceder?
O aluno candidato à bolsa deverá engajar-se em um projeto de pesquisa da sua área de interesse e informar-se junto ao pesquisador responsável pelo projeto sobre as condições para concorrer a uma bolsa de iniciação científica. A bolsa tem duração de 12 meses, com início em agosto e término em julho do ano seguinte. A solicitação deverá ser feita de acordo com as normas estipuladas pelo edital, que normalmente é divulgado no mês de abril.

PIBIC/CNPq: Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC), destinado a alunos de graduação, é financiado pelo CNPq que concede quotasde bolsas de Iniciação Científica às instituições de ensino e pesquisa. A quota de bolsas destinada à UCP é gerenciada pela Coordenadoria Geral de Pesquisa. O PIBIC objetiva, dentre outros, despertar vocação científica e incentivar novos talentos potenciais entre estudantes de graduação, propiciar à instituição um instrumento de formulação de política de iniciação à pesquisa para alunos de graduação.

PIBIC/FCRM:Programa de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC/FCRM) é destinado a graduandos da UCP, com recursos orçamentários da Fundação Dom Cintra. O programa tem por objetivo inserir os graduandos nas diversas etapas da pesquisa científica, visando à formação diferenciada de recursos humanos qualificados. Com este programa, a UCP investe na ampliação das oportunidades de inserção acadêmica nas atividades de pesquisa.

PIBITI/CNPq: O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI) tem por objetivo estimular os jovens do ensino superior nas atividade, metodologias, conhecimentos e práticas próprias ao desenvolvimento te cnológico e processos de inovação.

Jovens Talentos/FAPERJ: A Universidade Católica de Petrópolis participa do Programa Jovens Talentos, da FAPERJ, proporcionando a diversos estudantes da rede pública de ensino o acesso à Universidade. O programa incentiva jovens a ingressarem no mundo da pesquisa. Os jovens são orientados pelos líderes dos Grupos. O Programa Jovens Talentos, de pré-iniciação científica, é destinado a estudantes do ensino médio/técnico da rede pública estadual de educação. Lançado em 1999 por iniciativa da FAPERJ, o programa conta, desde 18 de julho de 2003, com o apoio do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico/MCT) no âmbito do programa de Bolsas de Iniciação Científica Júnior. A execução do programa é de responsabilidade do CENTRO DE CIÊNCIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO (CECIERJ) e da FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ (FIOCRUZ). Saiba mais sobre o programa.

 

Redes Sociais

Estamos nas redes sociais. Siga-nos e fique informado.

Periódicos CAPES

logo periodicos